Arquivo do autor:Carol Neves

Sobre Carol Neves

Mãe do Henrique e da Laura, psicóloga e mestre em Psicologia. Transformada pela maternidade, acredita no poder de compartilhar e apoiar, e ser/estar consciente das nossas escolhas para ter uma vida com mais sentido, felicidade e prazer. Ama estar na cozinha e no ateliê nas horas livres.

O resgate da arte de carregar bebês no pano – Por quê praticar e por onde começar

Um dos assuntos que nos uniu – eu, Alice, Cassis, Lourdes e várias outras mulheres fantásticas que estavam se tornando mães – foi o mundo dos slings, ou carregadores de bebês. Nós não sabíamos, mas estávamos participando do resgate de uma prática muito antiga, mas esquecida pela nossa sociedade. Hoje, 5 anos depois, a prática do babywearing (algo como “vestir bebê”), como é chamada por alguns, está muito mais disseminada, sendo assunto de reportagens, quadro de noticiário e conhecida por muitas pessoas, apesar de ainda ser visto como algo “alternativo”. Mas o que está por trás de carregar seu bebê coladinho ao corpo e por que tantas mulheres e famílias vêm aderindo a esta ideia?

O resgate da arte de carregar bebês no pano | O Nosso Blog

Oficina ministrada por Carol Neves e Alice Ibelli – Ciranda Materna São Carlos – foto por Alice Ibelli Fotografia

Continue lendo

Chips de inhame

Olááás,

Para retomar as atividades por aqui, nada melhor do que uma receitinha INFALÍVEL! Como acompanhamento no almoço, lanchinho da tarde ou até mandar na lancheira, os chips de inhame são sucesso garantido e super saudáveis, pra liberar pras crias sem peso na consciência. ;)

Desde que aprendi a fazer essa receita, acho que não passo 2 ou 3 dias sem recomendá-la para alguém. Então, não sei porque essa receita ainda não estava aqui n’O Nosso Blog. Agora problema resolvido. Sempre que alguém perguntar, ctrl+c, ctrl+v no link. Compartilhe você também cazamiga mãe, sogra, vó, tia, papagaio… hehehehe

Chips de Inhame | O Nosso Blog

Para começar o preparo, primeiro coloque o forno para preaquecer a 200 o.C. A seguir, a principal dica é: lave os inhames somente DEPOIS de descascá-los. Isso porque eles soltam uma espécie de baba que faz coçar muuuuuuito as mãos se eles estiverem molhados por fora. Então descasque e somente depois lave sob água corrente para tirar os pelinhos e restos de terra que inevitavelmente ficarão.

Chips de Inhame | O Nosso Blog

Ai então você pode fatiá-lo, a mão ou em uma mandoline ou processadora. No final, eu sempre prefiro a boa e velha faca, apesar de ficarem algumas rodelas mais ou menos finas que as outras. Eu gosto deles bem fininhos, mais ou menos 1 ou 2 mm de espessura (veja a foto acima).

Chips de Inhame | O Nosso Blog

A seguir, coloque as fatias em uma tigela grande, polvilhe orégano seco (ou outra(s) ervinha(s) de sua preferência) e regue com azeite e misture beeeeeem. A idéia é pegar azeite e tempero em todos as rodelas, mas não precisa ficar encharcado.

Chips de Inhame | O Nosso Blog

Distribua sobre uma assadeira antiaderente grande, formando uma só camada de inhame. Ou seja, não deixe que um fique muito em cima do outro. Muita calma nessa hora :P e pronto! Forno por 40 a 50 minutos ou até que fiquem douradinhos no ponto que você preferir. Eu gosto de dar uma chacoalhada neles por volta de 30 minutos de forno, para desgrudarem e dourarem de forma mais uniforme, mas não é obrigatório.

Chips de Inhame | O Nosso Blog

Prontinho! É nessa hora que eu polvilho um tiquinho de sal e dou uma bela chacoalhada na forma mesmo. Pra mandar para o lanchinho da escola, o ideal é esperar esfriar completamente, para que não “sue” no potinho e fique molengo. Mas ruim também não vai ficar hehehe.

Se fizer a receita, vem contar pra gente!!! E pra compartilhar e ficar sempre a mão, você pode também salvar no seu Pinterest qualquer uma das imagens, já viu? É só deixar o cursor sobre a sua favorita e clicar no simbolozinho do Pin que vai aparecer. Facin facin. ;)

Beijão!!!

Os benefícios do melado de cana + Receita de Granola de Melado com Amendoim

Sim, meu último post também foi uma receita com melado de cana. Então pode me chamar de #aloucadomelado porque eu to mesmo apaixonada por este ingrediente! Hehehe Além de ter substituído o açúcar em uma grande variedade de receitas e preparações, deixando um saborzinho especial, ainda descobri que ele possui muitos benefícios para toda a família. :)

Granola de Melado e Amendoim 4

O melado de cana é um sub-produto da produção do açúcar. O melado é um dos primeiros produtos do processo, portanto, é um dos mais “integrais”, pois ao longo do processo industrial os nutrientes são retirados até resultar no açúcar branco refinado, que é praticamente só as calorias. Dessa forma, ele é riquíssimo em minerais, especialmente ferro, cálcio, potássio e outros. E esses minerais estão super biodisponíveis, sendo muito bem absorvidos pelo nosso corpo. Ele é bom até para esportistas, como substituto dos isotônicos em combinações de sucos.

O melado também é muito interessante para reduzir a gula por doces, que é causada pela falta de minerais e por consumirmos em excesso produtos a base de açúcares refinados e carboidratos simples, como a farinha de trigo refinada. Ficamos viciados como se fossem drogas. Isso para nós, adultos, então imagine para as crianças? Neste sentido, o melado é uma ótima forma de apresentar o paladar doce para seus filhos, utilizando-o em preparações como bolos, geléias, etc.

Além de suas propriedades como alimento, o melado também é ótimo para a pele e cabelo e pode compor máscaras super hidratantes.

Hoje em dia, eu tenho encontrado o melado com mais facilidade, em supermercados ou lojas de produtos naturais. É lógico que é preferencial comprar o melado orgânico, ainda mais quando sabemos o quão agressiva é a produção de cana-de-açúcar para o meio ambiente. O preço varia bastante, mas normalmente é mais barato que o mel e rende muito mais.

Granola de Melado e Amendoim 1

A minha última invenção com o melado foi uma receita de granola deliciosa – e que acabou em menos de 24 horas! Sucesso total!!! A receita que eu sempre uso como base para fazer granola caseira é da Cassis, no Cozinha Legal, e vou variando de acordo com os ingredientes que eu tenho em casa. Por isso, escrevi a receita com opções de itens para que você possa se sentir livre para criar a sua :)

Granola de Melado e Amendoim 3

Beijos e abraços!!! Carol.

Granola de Melado com Amendoim
 
Tempo de preparo
Tempo de cozimento
Tempo total
 
Autor:
Porções: 6 xicaras
Ingredientes
  • 3 xícaras de flocos - aveia, arroz, milho, centeio, ou uma combinação destes
  • ½ xícara de sementes - chia, linhaça, quinua
  • ½ xícara de xerém de amendoim - ou qualquer outra castanha
  • ½ colher de chá de sal
  • ½ xícara de melado de cana
  • ¼ xícara de óleo de coco ou girassol
  • 1 colher de chá de extrato de baunilha
Modo de preparo
  1. Coloque o forno para pre-aquecer a 180 graus.
  2. Misture em uma tigela grande os ingredientes secos - flocos, sementes, castanhas e sal.
  3. Em uma panela pequena em fogo médio, aqueça o melado com o óleo e a baunilha até virar uma mistura liquida uniforme.
  4. Misture os líquidos aos secos na tigela e transfira para uma assadeira grande.
  5. Espalhe bem, formando uma camada fina e leve ao forno por 30 minutos ou até dourar. Obs: Não vai estar crocante ainda, somente quando esfriar um pouco. Se quiser mais soltinha, mexa com uma espátula no meio do tempo.
  6. Tire do forno e espere esfriar.
  7. Guarde em um pote hermético e em local seco e arejado.

 

Bolo de Agrião e Melado – O Bolo do Hulk

Oies!

Seguindo a inspiração da Alice, com o último post sobre Lanches Práticos e Saudáveis para a lancheira das crianças, trouxe hoje para vocês uma receita que fez o maior sucesso aqui em casa, o que me deixou muito feliz, já que é facílima de fazer e é carregada de nutrientes. Apelidada de “Bolo do Hulk” pelo Kike, vai fazer todo mundo gostar de agrião sem nem reclamar. Hehehe Fica uma delícia!!!

Bolo de Agrião e Melado | O Nosso Blog Continue lendo

Tabela de tempo de cozimento de legumes e hortaliças

Esses tempos eu li e fiquei com uma frase na cabeça: “Para ter uma alimentação mais saudável, comece desembrulhando menos e descascando mais!”. E não tem erro: inserindo uma variedade de legumes, hortaliças e frutas no nosso dia-a-dia, acabamos comendo com mais qualidade, já que ocupamos o estômago com alimentos mais nutritivos e ficamos satisfeitos por mais tempo. E quando falamos da saúde de nossa família, além de nós mesmos, este ideal é mais imperativo ainda, não é?

Porém, para que não tem o costume de cozinhar, acabamos quebrando a cabeça e desperdiçando muito, até aprender os macetes. Um deles é o tempo de cozimento de cada alimento, principalmente legumes que, por suas especificidades, variam muito de um para o outro. Por isso, postamos hoje uma tabela que é sempre muito útil na minha cozinha! Nela, encontramos os principais legumes e hortaliças utilizados cozidos e os minutos que levam para cozinhar em três diferentes métodos de preparo: na panela com água, no vapor e na panela de pressão.

Tabela de tempo de cozimento de legumes e hortaliças | O Nosso Blog

Depois, é só caprichar na preparação. Um fio de azeite e uma pitada de sal já dão um toque especial a qualquer legume, mas você também pode inventar novos temperos com ervas frescas ou secas, refogar rapidamente os legumes já cozidos na manteiga e muito mais. Outra ideia, especialmente para o inverno, são as sopas de legumes, e nisso a tabela também é muito útil: com ela, você pode planejar a sequência em que coloca cada legume e evita pedaços duros ou molengos nas colheradas.

Espero que esta tabela seja tão útil para vocês quanto é para mim, desde 2011 ;) Hehehe

Beijos e abraços!